Sérgio Carolino nasceu em 1973, e iniciou os seus estudos na Escola de Música da Banda de Alcobaça, onde começou por experimentar o fagote, e depois a tuba, mais tarde, aos onze anos entrou para Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa, prosseguindo os seus estudos no Conservatório de Música de Genebra onde estudou com Pierre Pilloudand e Kurt Sturzenegger. Frequentou várias Master Classes com os professores Roger Bobo, Mel Culbertson, Shmuel Hershko, Gene Pokorny e Harvey Philips.

Atualmente reconhecido internacionalmente pelo seu virtuosismo distingue-se na interpretação de  repertório standard e contemporâneo para tuba e participa em diversos projectos nas mais variadas àreas musicais.

Sérgio Carolino tocou em grupos como "Estardalhaço da Geringonça", "Estardalhaço Brass Band", "SACALE" trio com Bernardo Sassetti (piano) et Jean F.Leze (marimba), "To B'Horn" trio com B.Silva (cor), "Multiphonic Pocket Band", o ensemble português de tubas "Tubaphonia", o duo "Moderato Tangabile" com D.Schvetz (piano) e compositores argentinos,em orquestras como a Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra Sinfónica Portuguesa, Orquestra Gulbenkian, Remix Ensemble, Orquestra Portuguesa da Juventude e a Orquestra Europeia de Sopros da Juventude.

O seu contacto com o jazz vem desde cedo, tendo passado numa fase inicial por bandas de dixieland,ensembles de jazz ou Big Bands. Mais tarde participou no “Workshop Big Band” no Festival de Jazz em Agosto daFundação Gulbenkian - ACARTE - sob a direcção de Robert Sadin. Sérgio Carolino desenvolve uma constante actividade como tubista, solista e professor, actuando nos mais diversos festivais internancionais, e lecionando em conservatórios e universidades em países todo Mundo, de que se salientam Espanha, França, Suíça, Finlândia, Bélgica, Holanda, Eslováquia, Alemanha, República Checa, Hungria, Inglaterra, Áustria, Austrália, EUA, Noruega, Tailândia, Peru, Brasil, Japão, Luxemburgo, Turquia, Singapura, Islândia, Canadá, Itália, Croácia e China.